Poema para Chico Mendes, de Eleni Mariana de Menezes

Poema para Chico Mendes, de Eleni Mariana de Menezes

Narração:Carmem Imaculada de Brito

Poema para Chico Mendes, de Eleni Mariana de Menezes

Fala baixo Chico.

Não grites.

As seringueiras irão chorar lágrimas brancas.

Lágrimas grossas de saudade de Francisco.

O Mendes.

Aquele que as rasgavam com tanta mansidão

E poesia para retirar-lhes a seiva

Que mais parecia um rasgo de elogio.

Um rasgo de amor.

Uma carícia de irmão agradecido pelo sustento

Que viria dali.

Fica Chico.

Senão o seringal não vai chorar apenas,

Irá uivar o uivo doloroso do adeus ao amigo

E companheiro.

Irá gritar para o céu da Amazônia que a esperança morreu.

Que o apelo do ativista parou.

Tua boca calou para sempre.

E seus olhos dormiram o sono do nunca mais.

Ah, Francisco,

Fala baixo para os gananciosos não o ouvirem.

Eles não perdoam.

Depois como vais peregrinar pela selva

Com o coração de guerreiro?

Nunca mais Chico,

Andarás com essa alma de gigante

Por entre os altos arbustos amazônicos

E a floresta vai morrer um pouco.

Elas sentirão falta do seu abraço protegido.

Daqueles que distribuías para defendê-las

Com teu corpo nos empates.

Fica em silêncio Chico que teu hino

De amor está ferindo interesses de alguns.

Eles não têm piedade e vão determinar tua partida.

Eterna.

Sem retorno do Mendes.

Nunca mais ouvirás o canto melodioso da cotovia.

E o inhambu vai piar sem teus ouvidos para escutá-lo.

Ouve Francisco,

Deixa de bobagem e dorme mais um pouco.

Não te levantes cedo demais para ires ao sindicato

Bradar ao mundo que eles matam a mata.

Eles irão te perseguir e a pontaria deles é tão certeira!

Não erram.

Vão disparar até que caias sem chance de levantar-te

Para mais uma vez

Penetrares nos caminhos recheados de folhas verdes

E musgos.

Melhor, não entres jamais no sindicato.

Ele não precisa de Francisco.

Volta a colher a borracha,

Simplesmente,

Assim como um seringueiro despretensioso e feliz.

O mundo é assim mesmo companheiro.

Queres mudá-lo para quê?

Nem conseguirás ser eleito para o preito que pretendes.

Tivesses sido talvez fosse outra a tua história.

Seria?

O cargo político te daria amparo?

Se desse Chico seria interessante o povo eleger-te.

Bem que mereceste!

Levantaste a voz bem alta ao ponto de ferir ouvidos.

Inquietar consciências.

Incomodar pessoas.

E quantas!…

Espera Francisco, mais um pouco na cama,

Hoje ainda são vinte e dois,

Falta pouco para o Natal.

Não queres ver mais uma vez o menino

Que nasce da tua fala de valente?

Depois os sapatinhos das crianças ficarão vazios,

E sem os teus abraços, também os corações.

Janeiro chegará com Lótus

Se abrindo em adoração Divina.

Estamos Francisco em 1988,

Vem por aí a virada do milênio,

O céu ficará cheio de rastros dourados

E com tantas promessas de vitória que até acreditaremos.

Então esquece um pouco esse seu caso de amor

Com a natureza e sossega menino.

Teu menino ficará sem o colo amigo do paizão querido.

E a menina entrará sozinha pela igreja

Ao som da Ave Maria.

Cadê teu braço para apoiá-la companheiro?

A mulher vai lamentar derramando água dos olhos tristes,

O amor que lhe foi tudo,

E a solidão será do tamanho da Amazônia.

Não.

Não abras a porta agora.

Volta para a cama.

Descobre que tens dor, qualquer uma.

Permaneça quieto.

Lá fora está tão sombrio e perigoso!

Teu banho pode esperar.

Tua vida pode prosseguir valente guerreiro.

Só não saias agora pela porta.

Talvez ele desista, vá embora e deixa para depois.

Aí podes pegar a mulher e as crianças e fugires.

Para onde?

Depois que o mundo é tão pequeno!

Que pena Chico!

Então adeus meu camarada.

Vai com Deus.

= = = = = =

Edição e Divulgação: Frei Gilvander Moreira, da CPT, das CEBs, do CEBI, do SAB e da assessoria de Movimentos Populares, em Minas Gerais. Acompanhe a luta pela terra e por Direitos também via www.gilvander.org.br  – www.freigilvander.blogspot.com  www.cebimg.org.br  – www.cptmg.org.brwww.cptminas.blogspot.com.br   

No Instagram: Frei Gilvander Moreira (gilvanderluismoreira)

No Spotify: Frei Gilvander luta pela terra e por direitos

*Inscreva-se no Canal Frei Gilvander Luta pela Terra e por Direitos, no link: https://www.youtube.com/user/fgilvander , acione o sininho, receba as notificações de envio de vídeos e assista a diversos vídeos de luta por direitos sociais.

Se assistir e gostar, compartilhe. Sugerimos. #DespejoZero #PalavraÉticacomFreiGilvander #ÁguasParaaVida #BarragemNão #FreiGilvander #NaLutaPorDireitos #PalavrasDeFéComFreiGilvander

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *