Poema “Gente insensata”, de Alexandre Bollmann

Poema “Gente insensata”, de Alexandre Bollmann

Narração: Carmem Imaculada de Brito

Poema “Gente insensata”, de Alexandre Bollmann

Chamam de violenta emoção

O que é ação violenta

Aí vem a realidade, verdade

Que se impõe sangrenta

Eu vi a vida em vão se esvair

E os tiros foram oitenta

Bala tanta, bala tonta,

Executando

Gente preta

A mais barata do mercado

Aquela carne na sarjeta

Enquanto os exércitos exercem

Sua sina violenta

Morto um pai de família

Que deixa esposa e filha

É dor que não se aguenta

Um corpo frio no chão

Uma arma fria na mão

De cada um que sustenta

Com seu discurso, sua voz

Sua mensagem, seu recado

Com seu ódio, seu pecado

E seu olhar de algoz

Cada assassino tem sede

Escondido na farda, na farra

Ou na rede

Ele está entre nós.

Onde já se viu?

Ainda tem muita gente insensata

Que finge que o racismo não mata

Aqui nesse imenso Brasil!

= = = = = =

Edição e Divulgação: Frei Gilvander Moreira, da CPT, das CEBs, do CEBI, do SAB e da assessoria de Movimentos Populares, em Minas Gerais. Acompanhe a luta pela terra e por Direitos também via www.gilvander.org.br  – www.freigilvander.blogspot.com  www.cebimg.org.br  – www.cptmg.org.brwww.cptminas.blogspot.com.br   

No Instagram: Frei Gilvander Moreira (gilvanderluismoreira)

No Spotify: Frei Gilvander luta pela terra e por direitos

*Inscreva-se no Canal Frei Gilvander Luta pela Terra e por Direitos, no link: https://www.youtube.com/user/fgilvander , acione o sininho, receba as notificações de envio de vídeos e assista a diversos vídeos de luta por direitos sociais. Se assistir e gostar, compartilhe. Sugerimos. #DespejoZero #PalavraÉticacomFreiGilvander #ÁguasParaaVida #BarragemNão #FreiGilvander #NaLutaPorDireitos #PalavrasDeFéComFreiGilvander

One comment

  1. Que coisa linda Carmem, tua voz me emociona, de verdade. Meus escritos ficam até mais emocionantes declamados assim. Obrigado, mais uma vez, por compartilhar minha arte!

    Abraço grande,

    Poeta Alexandre Bollmann

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *